Inteligência de dados aplicada à Eleições

Portal web com dashboards contendo dados sobre os resultados das eleições a partir de 1945 até os dias atuais, além de dados relacionados aos logs das urnas eletrônicas e do Sistema Gerenciamento, do TSE.

Áreas de Negócio: Coordenadoria de Logística de Eleições - CLE/STIC, Zonas Eleitorais

RESIDENTES:
Filipe Viana
Giuliard Rodrigues

OBJETIVOS

1. Fazer uso dos dados armazenados no cadastro eleitoral e log das urnas eletrônicas, construindo painéis de acompanhamento do processo eleitoral.

2. Utilizar métodos de Inteligência Artificial para reconhecimentos de padrões

3. Sugerir agregações de seção e indicar projeções de crescimento.

ALINHAMENTO: PEJERN / PETIC 2016 - 2020

Instrumento: PEJERN 2016-2020

Aprimoramento da infraestrutura, da gestão e da governança de TIC; Aprimoramento contínuo do planejamento e da execução do processo eleitoral com transparência e segurança.
3. Garantir inovação tecnológica.
5. Aprimorar o processo de gestão de eleições.
7. Promover a melhoria dos sistemas de informação.

FUNCIONALIDADES

  1. Dashboard com estatísticas de tempo de envio de mídia de resultado, taxa de quebra nas urnas eleitorais, tempo médio de votação, feedback do eleitor.

  2. Implementação de rotinas de aprendizado de máquina parar descoberta de padrões, predição de quebra de urnas

  3. Estatísticas relativas aos resultados das eleições no RN desde o ano de 1945.

RISCOS

RISCO ESTRATÉGIA AÇÃO PROBABILIDADE IMPACTO
Dados de feedback do eleitor não disponível Aceitar Aguardar implantação do aplicativo móvel JE Sociedade Média Baixo
Limitações da tecnologia de visualização de dados Mitigar Prospectar outras ferramentas para a camada de visualização Média Médio
Não ter conhecimento suficiente para aplicar tecnologias de Inteligência Artificial Mitigar Estudar e investigar Média Baixo
Duração de 6 sprints de 3 semanas
Grau de Complexidade

Médio

Grau de Inovação

Alto

Potencial de Alcance

Regional